Atendimento (43) 3172-4040 Segunda a Sexta das 08hrs as 18hrs.
LOUVOR, ADORAÇÃO E LITURGIA - COD 1354
  • LOUVOR, ADORAÇÃO E LITURGIA - COD 1354

LOUVOR, ADORAÇÃO E LITURGIA - COD 1354

Sku: 1354

Categoria: LouvorLIVROS

Marca: ULTIMATO

ISBN: 9788586539763

Produto Indisponível

Por R$ 39,50

ou em 7x de R$ 6,10

Ver parcelas
1xdeR$ 39,50 Sem Juros Total: R$ 39,50
2xdeR$ 20,34 Com Juros Total: R$ 40,68
3xdeR$ 13,69 Com Juros Total: R$ 41,08
4xdeR$ 10,37 Com Juros Total: R$ 41,48
5xdeR$ 8,38 Com Juros Total: R$ 41,89
6xdeR$ 7,05 Com Juros Total: R$ 42,30
7xdeR$ 6,10 Com Juros Total: R$ 42,71
Frete e Prazo

Simule o frete e o prazo de entrega estimados para sua região:

Descrição do Produto

Páginas                160

ISBN-978-85-86539-76-3

Formato-14x21

Assunto-Espiritualidade, Igreja, Vida Cristã

Autor  Rubem Amorese

Editora Ultimato

Código  1354

Informações do Produto

Louvor, Adoração e Liturgia é um livro para adoradores sinceros, desejosos de rever sua prática devocional, seja íntima, familiar ou litúrgica. A abordagem parte do aspecto pessoal, chamado de “quarto”, em referência à recomendação de Jesus: “entra no teu quarto, e fechada a porta...” Crescendo do privado para o público, concentra-se no ambiente doméstico e, então, culmina com o culto público e litúrgico propriamente dito.

* Arte e adoração
* Adoração pessoal
* Adoração na família
* Louvor na igreja

“Emoções, linguagem, expressão, beleza, prazer, gozo, fruição... Esses termos funcionam como mediadores de realidades tanto importantes quanto difíceis de explicar. Abrem passagem para um jardim interno da alma; aquele lugar secreto que gostamos de visitar, mas com cujo caminho nem sempre acertamos; aquele “mundo” só nosso, onde muitas vezes temos experiências personalíssimas e, de certa forma, intransferíveis, inenarráveis, inefáveis. Refiro-me à dimensão íntima e estética da experiência do amor de Deus. Em outras palavras, aprouve ao Altíssimo, pelo fato de que nossa alma veio dele, que toda tentativa de volta ao jardim, toda busca de religação com ele mesmo se constituísse em experiência linda e deliciosa.

Penso que foi da vontade do Criador que todo gozo e fruição do prazer estético fossem associados ao seu amor e reconhecidos como dádiva sua. Esse reconhecimento, que chamamos de gratidão, está na origem da verdadeira adoração. Não será por isso que o salmista nos convida a adorar ao Senhor na beleza de sua santidade (Sl 96.9)

Avaliação dos Clientes
  • Nenhum comentário foi postado para esse produto, seja o primeiro!